Por que um baú?

Bem, quem acompanha minha tentativa de escrever algo que seja bom ao leitor,vai poder voltar aqui, abrir o baú e ler, pensare espero eu que comente nos textos afinal, esse baú é para guardar pensamentos.
Deixe aqui o seu também.

terça-feira, 19 de janeiro de 2010

Ele e Ela

“Não era mais do que esperado, ele já sabia disso, tudo tem que terminar um dia e hoje foi o fim de um de seus sofrimentos, ela tinha ido a um lugar onde ele não poderia seguir, hoje ele estava sozinho... como nunca se sentiu antes.

No caminho de sua casa, coma alma mais de luto que suas vestes ele respirava fundo o taxista tentava entender o motivo das lagrimas e soluços dele mas não existia como explicar, os olhos dele fixos apenas no pequeno retrato, e as lagrimas corriam em seu rosto como cascatas em uma rocha.

Ao chegar em casa, o seu cão o recebeu como sempre, porem até mesmo o cão notou a falta de algo nele, era a presença dela...
Eles viveram juntos por tanto tempo, mas nos últimos meses foram inda mais ligados, noites inteiras, tardes inteiras todos os dias, ele largara do seu trabalho para se dedicar a ela, e ela largara do seu para poder lutar por um dia a mais.

Ao entrar em casa, fotos, quadros, e até a mobília muda gritavam ao seus ouvidos que ele agora estava só, o filho programado teve que ser deixado pra depois, os sonhos foram novamente amarados e postos a frente, um futuro que ele hoje sabia que não mais teria. A garrafa de vinho era mais convidativa que a cama, talvez por que em tantos anos juntos nunca tivessem compartilhado esse prazer juntos.

O sofá e a tv, e o cão deitado perto de seus pés eram suas únicas companhias por longos dias, o telefone tocava em vão, a secretaria eletrônica nem mais aceitava recados, eram parentes dele, e dela, amigos e até um ex namorado dela, mas ele não se movia, parado apenas trocando garrafa por garrafa e lembrando...

Ao olhar para o lado, para a entrada da cozinha a viu, como via muitas vezes de costas preparando algo, e ouviu...
-Você é mesmo muito preguiçoso hein? Nem para me ajudar com a cebola...
ele respondeu como respondia
- É que você não gosta de me ver chorar... e sempre que você chora eu beijo seus olhos e você volta a sorrir...
no mesmo instante assim que terminou de falar ele ouve a voz dela no quarto..
- A Não de novo??? Amor, Quando vai aprender a deixar a toalha no banheiro? A cama não é lugar da toalha...
-Se eu não deixar ela ai você não vem me dar um beijo na testa ... eu faço só por isso...

Agora ela esta na porta do quarto, vestindo se pijama... sorrindo e penteando o cabelo, ela sorri e ele a observa como sempre...
- Hei... quando vem pra cama? Ou prefere ficar ai vendo programa de tv?
- Nada... me deitar a teu lado e te ver dormindo é meu melhor programa...
então começou a chorar, e ajoelhado ao lado da mesa de centro, então ouviu a voz suave dela.

-Hei amor, por que isso? Sabemos que tinha que ser assim, não dava pra evitar, mas olha, amanha você vai ver que é melhor, e vai voltar a sorrir, sabe que eu me apaixonei por você quando você sorriu? É... e sempre que sorri pra mim, eu lembro que sou feliz por ter você.e acho que você tem sorrido tão pouco... vai. Volta a sorrir pra mim?

- E eu sou feliz por ser seu...voltar a sorrir só quando eu vejo você
- Não, sorria sempre, ai eu vou ter forças pra continuar.

Pouco a pouco as lembranças foram se tornando cada vez mais freqüentes e vividas ele já girava pela casa a procura de uma outra de um outro fato, e eram roupas, moveis, perfumes cada segundo uma lembrança...

Mas o tempo passou, e ele, finalmente viu a porta, aberta, o cão de cabeça baixa o olhava e olhava a porta... e ele finalmente disse algo a alguém que não suas lembranças...

- Ok amigo...
E saiu pela porta, o céu azul sobre sua cabeça o cão feliz a seu lado, e ele sabia que não era uma adeus, ele sabia que voltaria a vê-la sorrir e mexer em seus cabelos...
- Eu adorava quando ela mexia em meus cabelos – disse olhando o cão...
- Vamos amigo.... vamos... “


As vezes a gente perde alguém que gosta muito, as vezes pra sempre, as vezes por algum tempo, algumas pessoas sabem lidar bem com a perda, com a falta outras sentem tanto a falta que se prendem em castelos de lembranças, e vivem apenas para elas, as lembranças incapazes de perceber que era inevitável.

A pior perda que alguém pode sentir é perder a sua própria imagem, anular-se por algo ou alguém, deixar de viver sua vida, e viver a vida como outra pessoa gostaria, por medo de perder, por medo de ser ela mesma e afastar a quem gosta.

Eu confesso que já pensei em me anular, para manter alguém do meu lado, e por alguns anos eu fiz isso, porem me vi depois completamente vazio e que tinha perdido tempo, e tempo não volta nunca, amigos, e até um amor pode voltar, mas tempo nunca.

Perder alguém para uma viagem sem volta, é doloroso, mas sabemos que acaba ali o sofrimento de quem a gente perdeu, mas perder todo dia a si mesmo é uma viagem sem volta... e não adianta ter uma porta aberta e um cão companheiro... se você não quiser sair.. se não olhar o céu azul e perceber que a vida continua... vai continuar preso a lembranças e sonhos estraçalhados ou postergado por uma separação.

Esse texto é pra minha doce amiga que se foi a quase um mês... nessa jornada eu não posso te ligar, nem posso te fazer sorrir amiga... mas eu vou lutar pra ser como me pediu.

“As vezes é bom lembrar que por sobre as nuvens negras de chuva ainda existe um céu azul, e um sol brilhando” (Weverson Garcia )

2 comentários:

Ana C. disse...

Não consigo encontrar palavras que descrevam a minha emoção ao ler este último relato, posso chamar de relato?

Diferente de você, não sou boa em expressar sentimentos.
Saiba que fiquei comovida e emocionada.


"A pior perda que alguém pode sentir é perder a sua própria imagem, anular-se por algo ou alguém, deixar de viver sua vida, e viver a vida como outra pessoa gostaria, por medo de perder, por medo de ser ela mesma e afastar a quem gosta."


Apesar de ser triste, te parabenizo, por ser belo.

Devoradora e Cuspidora de Palavras disse...

Me surpreendo cada vez que leio, eh otemo... deixe então a porta te convidar a sair e veja o céu azul =)