Por que um baú?

Bem, quem acompanha minha tentativa de escrever algo que seja bom ao leitor,vai poder voltar aqui, abrir o baú e ler, pensare espero eu que comente nos textos afinal, esse baú é para guardar pensamentos.
Deixe aqui o seu também.

terça-feira, 23 de fevereiro de 2010

uma causa justa.

Barbas
(brubs – 22:39 15/04/09)

diz-se que é desleixo
Sujo, maltratado,
mas eu de barba
longa vos deixo

barba rala, espeta a nuca
de barbudede afoita,
de certo diz na hora da coita
vai não para, não para nunca
A barba média, na medida
tampa pouco a boca prevenida
e na hora certa do beijo, atrevida
da barbudete a alça querida

Puxa a barba, e junto vem a boca
a barba, longa, do tipo pensador
já é vista como abandonado, coisa pouca
ermitão, desolado, não é trabalhador

mas não há quem mesmo barbado
a muito, certa vez não quis inovar
e pois fim, no simples ato de barbear
virou um bebe, um recém chegado

Mas eu digo, e sou barbado
que desse mal eu não me presto
sou mais pra ermitão barbado
do que ter a face a bunda de bebê cagado.

2 comentários:

Simone disse...

"sou mais pra ermitão barbado
do que ter a face a bunda de bebê cagado"

hahaha o final matou a pau =P

Luana disse...

E viva aos barbudos e a maturidade que a barba traz!

Não a tire nunca! ;)